Seguro automóvel com cobertura anti-roubo

cobertura anti rouboContinuamos a mostrar-lhe alguns anúncios publicitários engraçados. Engraçados para nós que descansados os vemos no computador, se calhar com o nosso automóvel “protegido” ou quase na garagem, mas totalmente sem graça para qualquer pessoa a que aconteça o que aqui é ilustrado.

Um marido, pressupõe-se, que queria fazer uma surpresa à esposa, oferecendo-lhe um carro novinho em folha e enfeitado como deverá estar toda e qualquer prenda, com um grande laçarote.

Ficamos sem saber qual era o bólide. Se uma daquelas banheiras (ou já nem tanto) norte-americanas, ou se um carro ao estilo europeu, que muitos norte-americanos já vão apreciando.

Acontece que bastou o generoso marido deixar o carro à porta de casa e demorar-se um pouco a preparar a mulher para a surpresa, que os larápios logo lhe levaram a prenda, deixando apenas o laçarote XL para trás.

Este é um spot para publicitar um daqueles sistemas de rastreio de veículos que os monitorizam e que impedem que se não sejam levados,  pelo menos, impedem que sejam mantidos, mas para aqui serve perfeitamente para o lembrar que existe uma cobertura de seguro automóvel contra furto ou roubo.

Embora esta cobertura apareça enquadrada nos seguros de danos próprios, pode e deve, para quem quiser aumentar por esta componente a proteção ao seu veículo, ser incorporada num seguro automóvel obrigatório, aquele que tenha apenas ou pouco mais que a cobertura obrigatória de responsabilidade civil.

Subscrita individualmente e desgarrada das restantes coberturas de danos próprios, que sabemos bem, pois constatamos isso diariamente, muitos gostariam de contratar, mas a crise impede-os de o fazerem, esta cobertura de furto ou roubo nem é tão cara assim, principalmente se partilharmos o risco com a seguradora contratando uma franquia não excessivamente reduzida.

Veja então o vídeo e subscreva o canal de vídeo da Seguros-Mais.

 

Com formação em Marketing e em Pubicidade, faz parte do núcleo de fundadores do portal Seguros Mais.

Deixe um comentário