Escolha acertada de crédito para férias

Agosto 11, 2008
Comentários desligados

Escolha acertada de crédito para fériasEm pleno Verão, os portugueses esquecem as contrariedades do trabalho e preparam as merecidas férias. Quer viajem em território nacional ou partam para conhecer novos destinos, o solução do financiamento é encarada e utilizada por muitos. No entanto, em tempo de crise e com os actuais níveis de sobreendividamento, esta alternativa exige um esforço adicional – convém escolher a melhor solução possível.

Bancos tradicionais cobram imensas despesas de gestão do processo

O Diário Económico analisou as propostas dos principais bancos tradicionais e só a Caixa Geral de Depósitos tem um crédito exclusivamente para férias. As restantes instituições sugerem a oferta padrão de crédito pessoal, embora tenham, nesta época, por questões de marketing, alusões às férias.

O DE assumiu no estudo que realizou, um pacote turístico no valor de 1200 euros, a pagar em 12 meses. As mensalidades variaram bastante, 108,12 euros na Caixa Geral de Depósitos, 117,82 euros no BCP, e 103,70 euros no BPI.

O pior mesmo, é que as instituições bancárias cobram-se de despesas várias a juntar ao montante pedido para empréstimo: a CGD cobra comissão de avaliação, contratação e processamento de 175 € e ainda cerca de 45 de imposto de selo; no BCP, o financiamento inclui comissão de dossier de 150 €, imposto de selo de 6,80 € e seguro de vida de 2,87 €; por fim, no BPI, as comissões ficam-se por 74,18 €.

Empresas de Crédito ao Consumo simplificam burocracia

Com tantas despesas de gestão de processo, fomos ver que produtos específicos para as férias têm as empresas especialistas de crédito pessoal.

Na realidade, parecem ser uma boa alternativa, tendo também em conta, que graças a toda uma estrutura montada para simplificar o processo de contratação de crédito ao consumo, estas instituições têm linhas telefónicas directas, e sites na Internet voltados para uma contratação rápida e sem despesas de empréstimos pessoais.

Espreitamos a Barclays Finance, como não podia deixar de ser, pois é a nossa Escolha Acertada em Crédito Pessoal standard, mas também vimos, que a Flexibom está a oferecer boas condições para crédito de férias.

O Crédito Pessoal Flash da Barclays Finance (CPF) não tem um produto especificamente desenhado para férias, em todo o caso fomos ver quanto ficaria um empréstimo lá. Não pôde ser de 1200 euros conforme o estudo do DE, mas sim de 1500, que é o valor mais próximo emprestável pelo CPF. Constatamos que o CPF não é tão melhor escolha assim para montantes pequenos ficando aquém do Flexibom. Ainda assim, e ressalvando que a este valor não acrescem quaisquer despesas adicionais – a grande vantagem deste créditos em relação aos dos bancos tradicionais, sempre lhe indicamos que se quiser um crédito aqui de 1500 euros a 24 meses (o dobro do prazo visto anteriormente) virá a pagar uma mensalidade de 75.41 euros.

 

Somos um portal/blog de notícias sobre seguros e produtos financeiros em geral, que conta com a colaboração de um pequeno grupo de especialistas em seguros, que por força de se manterem constantemente bem informados sobre a actividade seguradora, partilham graciosamente essa informação.