Adesões aos seguros de saúde diminuem

Dezembro 10, 2011
Comentários desligados

seguros de saúdeAs novas adesões aos seguros de saúde têm vindo a reduzir-se nos últimos meses. É também o que pode constatar Tomé Pedroso, o administrador da Tranquilidade. Tomé Pedroso admitiu uma diminuição das novas adesões aos seguros de saúde mas trouxe à discussão também o facto de ainda não ser percetível para as seguradoras, nomeadamente para a sua – a Tranquilidade – que haja portugueses a desistirem do seguro de saúde.

As despesas de utilização do seguro de saúde, nalgumas áreas, como são as análises e os raios x têm mesmo subido na ordem dos vinte a trinta por cento.

As despesas de saúde originárias no setor segurador chegam a dez por cento da despesa global de todo o setor privado de saúde, sendo que o resto (os 90%) são despesas diretamente realizadas pelo utente dos serviços. E o recurso médio às urgências dos prestadores de saúde privados tem aumentado acima dos 20 porcento, segundo ainda o administrador da seguradora Tranquilidade.

Atendendo a esta tendência de aumento na fruição de serviços no setor privado e interpelado quanto à existência ou não de um risco do setor privado ficar sobrecarregado, tal e qual como acontece com SNS, o setor público, Tomé Pedroso afasta a ideia, aludindo ao facto do setor segurador estar permanentemente a qualificar os preços adequados aos vários cuidados médicos, alcançando assim uma racionalidade de custos que doseia a procura por esses cuidados.

 

Somos um portal/blog de notícias sobre seguros e produtos financeiros em geral, que conta com a colaboração de um pequeno grupo de mediadores de seguros, que por força de se manterem constantemente bem informados sobre a actividade seguradora, partilham essa informação com clientes e leitores.