Oferta Liberty em Seguros para Empresas

seguros empresasFalamos-lhe dos produtos da Liberty Seguros direcionados para as pequenas e médias empresas. A seguradora dispõe de soluções em diversos ramos, englobando um amplo universo de situações de ocorrência relativamente frequente.

Nos ramos patrimoniais, a Liberty comercializa onze soluções distintas em linhas de negócio ou atividades em que, normalmente operam as pequenas e médias empresas.

Atividades que vão da construção, educação, papelaria, restauração, lazer, saúde e beleza, alimentação, vestuário, serviços, turismo, até artigos para o lar, endereçadas por pacotes de coberturas e garantias desenhados em função das necessidades de cada uma.

Entre essas coberturas encontram-se as de incêndio, tempestades, inundações, furto ou roubo, danos por água, riscos elétricos, danos em máquinas e causados a terceiros no exercício da atividade.

A par destas soluções, a Liberty dispõe ainda dos produtos de seguro obrigatórios que respondem às obrigações legais das empresas, como os seguros automóvel, seguros de acidentes de trabalho, e de responsabilidade civil.

Numa altura em que a comunicação social tem vindo a divulgar um volume elevado de sinistros, desde incêndios a furtos e atos de vandalismo, ocorridos nos últimos tempos e que afetaram nalguns casos de forma irreversível a capacidade de desenvolvimento do negócios de algumas empresas, é tempo das empresas de menor envergadura económica e financeira, se consciencializarem da necessidade de se precaverem devidamente deste tipos de ocorrências, que as podem deixar na situação de não terem sequer possibilidade de continuarem a exercer os seus negócios.

Empresas que não tenham contratado seguros que respondam pelas consequências danosas desses riscos, muitos deles aleatórios e de todo imprevisíveis, nomeadamente alguns que se revelam exponenciados em alturas de crise social, têm de assumir na totalidade os prejuízos e reparação desses sinistros, perigando a sua continuidade enquanto empresas, e até a subsistência dos respetivos recursos humanos.

Em épocas de crise económica, as empresas tenderão a equacionar e a reduzir determinados custos, optando por anular as apólices de seguros não obrigatórios.

Tendência que não poderia estar mais errada, na medida em que é nestas situações que as empresas mais precisam de ajuda e não terem que se preocupar com eventuais riscos e sinistros que coloquem em causa a sua sobrevivência.

A redução de custos com a proteção poderá conduzir as empresas por razões incontroláveis a estes desfechos.

Os responsáveis das empresas devem estar plenamente conscientes dos riscos próprios da atividade exercida pelas suas empresas, e transferirem todos esses riscos para um segurador, no pressuposto inquestionável de que o custo do seguro será sempre menor que o custo de um qualquer sinistro.

Considerações sobre a oferta da Liberty Seguros para Empresas, retiradas da entrevista dada por Rita Rosário, Gestora de Produto Responsabilidade Civil – Direção de Design e Gestão de Produtos, da Liberty Seguros, ao OJE.

 

Somos um portal/blog de notícias sobre seguros e produtos financeiros em geral, que conta com a colaboração de um pequeno grupo de mediadores de seguros, que por força de se manterem constantemente bem informados sobre a actividade seguradora, partilham essa informação com clientes e leitores.

Deixe um comentário